agronegocio

20/03/2018 07:40

Yes expande portfólio de soluções para mais de 25 países

O Brasil é um grande líder nas exportações agrícolas, possui uma das maiores produções de commodities do mundo e tem, nesse sentido, o compromisso de atender a demanda de alimentos para nove bilhões de pessoas no ano de 2050. 
A Yes, empresa de biotecnologia em nutrição animal, tem como propósito nutrir e promover a saúde de animais, pessoas e negócios e construir um futuro com qualidade e fartura de alimentos. Isso se torna possível a partir dos investimentos em soluções tecnológicas que melhoram o desempenho e a saúde animal, com rentabilidade comprovada por universidades e especialistas.
A companhia, que em 2018 completa 10 anos de história, está presente, além do Brasil, em mais 25 países. Com uma atuação consolidada em quase toda a América Latina, com exceção do Uruguai e Bolívia, a Yes expandiu, recentemente, seus serviços para países do Oriente Médio, como Egito, e Benim, na África. 
“Atualmente, nosso volume de exportações representa, aproximadamente, 30% de todo o faturamento. O objetivo é dobrar o número nos próximos dois anos, e futuramente, chegar a 50%, igualando com o mercado interno”, explica Sergio Rezende, Diretor Comercial da Yes. 
Ainda segundo ele, o México é um país de grande importância para a companhia e tem recebido investimentos em infraestrutura, logística e área comercial. “Contratamos um gerente de vendas no país para impulsionar ainda mais nossa entrada comercial no mercado mexicano e fornecer um suporte técnico mais rápido e direto para nossos clientes, por meio da grande rede de distribuidores que possuímos lá”, afirma. 
Para 2018, o objetivo é finalizar as negociações iniciadas em 2017 com o mercado asiático e o da Oceania para entrar com distribuidores em países como Indonésia, Filipinas, Malásia, Tailândia e Coréia do Sul; além de Nova Zelândia e Austrália. Para a Europa, a companhia está criando duas frentes de trabalho, uma para a parte Ocidental e outra para a Oriental. 
“Destaco também o desafio de estabelecer os trabalhos em países importantes para a produção de proteína animal como Estados Unidos e China, grandes produtores de carne suína e de frango. Para isso, estamos investindo em participações em eventos internacionais como a Exposição Internacional de Produção e Processamento (IPPE), que aconteceu em janeiro na cidade de Atlanta, EUA”, esclarece. 
Mercado Interno

No Brasil, em 2017, a Yes realizou grandes investimentos em seu Laboratório de P&D, nas fábricas de produção nas cidades de Lucélia e Borá, no estado de São Paulo, e em contratações de gerentes técnicos comercias e consultores em todas as suas áreas/espécies de atuação. Segundo o Diretor, o crescimento da companhia no ano passado foi de 32,5% no mercado nacional, se comparado a 2016. “Para este ano, nosso objetivo é abordar o mercado interno de forma mais personalizada, criando parcerias e negócios estratégicos e materializando soluções para os clientes”, diz. 
A Yes trabalha com linhas de produtos em todas as espécies de animais. Atualmente, aves e suínos representam, juntas, aproximadamente, 65% do negócio da empresa, seguidas por ruminantes com 20%, PET com 10% e o restante entre equinos e aqua. “Estamos nos organizando para crescer cada vez mais em aqua e PET, por meio da criação de estratégias diferenciadas e de produtos específicos para essas espécies, objetivando nos consolidar como uma marca referência para o segmento e, também, obter um equilíbrio maior entre nossas linhas”, conclui Rezende.


Copyright © 2017  Notícias de Hoje -  Telefone: (65) 3358-5258 - Todos os direitos reservados.