Brasil

27/04/2018 19:41 Noticias de Hoje

PGR arquiva ação contra Gleisi por declarações à Al Jazeera

Senadora deu entrevista à TV árabe pedindo apoio ao ex-presidente Lula

 

A Procuradoria-Geral da República (PGR) arquivou a representação contra a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), que pediu o apoio do mundo árabe ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT-SP) em entrevista à Al Jazeera. A investigação havia sido pedida pelo deputado federal Major Olímpio (PSL-RJ).

Segundo o Vice-Procurador-Geral da República, Luciano Mariz, a declaração da presidente do Partido dos Trabalhadores, Gleisi Hoffmann, "é um discurso político, em legítima manifestação de seu pensamento e de sua opinião".

"Sua manifestação não caracteriza conduta típica, punível e culpável, em nenhuma das inúmeras hipóteses veiculadas nas normas supra transcritas. Nem em qualquer outra norma", disse na decisão.

Na gravação, a presidente do PT afirma que Lula é um "preso político" e convida "todos e todas" a se juntarem à luta pela liberdade do petista, condenado a 12 anos e um mês de prisão no caso do triplex do Guarujá.

A PGR abriu uma notícia de fato, um procedimento prévio dedicado a colher informações preliminares que servirão, em seguida, à decisão de instaurar ou não uma investigação sobre o vídeo de Gleisi.

No vídeo veiculado nesta terça-feira pela emissora de TV do Qatar, Gleisi diz que Lula é um grande amigo do mundo árabe e ao longo da história, o Brasil recebeu milhões de árabes e palestinos, mas Lula foi o único presidente que visitou o Oriente Médio. As declarações da senadora esquentaram o debate no plenário, nesta quarta-feira. A senadora Ana Amélia (PP-RS) subiu à tribuna e acusou a presidente nacional do PT de violar a Lei de Segurança Nacional ao pedir apoio dos árabes a Lula, preso no último dia 7 de abril, após condenação em segunda instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

 


Copyright © 2017  Notícias de Hoje -  Telefone: (65) 3358-5258 - Todos os direitos reservados.