Entretenimento

16/05/2018 10:37

Rita Ora pediu desculpas à comunidade LGBT

Rita Ora pediu desculpas a quem quer que tenha se sentido ofendido com a letra de sua música 'Girls', que faz referência à bissexualidade.

A cantora, de 27 anos, lançou a faixa que conta as participacoes de Cardi B, Bebe Rexha e Charli XCX, na semana passada e recebeu críticas de muitos fãs, inclusive da cantora Hayley Kiyoko, que alegou que algumas partes da letra pareciam tentar tirar vantagem da bissexualidade para fins comerciais.

Rita divulgou uma declaração oficial pedindo desculpas àqueles que se ofenderam com a música, dizendo que ela nunca causaria danos à comunidade LGBT intencionalmente.

Em declaração no 'Twitter', Rita escreveu: "Olá a todos que estão lendo isso. 'Girls' foi escrita para representar a minha realidade e é um relato honesto sobre experiências muito reais e sinceras de minha vida. Eu tive envolvimentos amorosos com mulheres e homens e esta é minha jornada pessoal. Eu sinto muito se a forma como me expressei em minha música magoou alguém. Eu nunca faria mal a outras pessoas da comunidade LGBTQ ou a qualquer pessoa intencionalmente. Olhando para o futuro, espero que continuar me expressando através da minha arte empondere meus fãs para que eles se sintam orgulhosos de serem como são. Eu serei sempre grata a eles por me ensinararem a me amar e me aceitar. Eu me dediquei a dar voz à comunidade LGBTQ durante toda a minha carreira e continuarei me dedicando. Com amor, Rita".

Na crítica de Hayley à música, ela destacou a seguinte parte: "Às vezes, eu só quero beijar garotas/ vinho tinto/só quero beijar garotas", dizendo que passava a ideia de que Rita só beijaria garotas se estivesse bêbada primeiro.

"De vez em quando lançam certas músicas cujas mensagens são simplesmente sem noção e acabam causando mais malefícios do que benefícios para a comunidade LGBTQ. Uma música como esta apenas alimenta a fantasia masculina enquanto marginaliza a ideia de mulheres que amam mulheres. Eu não preciso beber vinho para beijar garotas; eu amei mulheres durante toda a minha vida. Esse tipo de mensagem é nociva, porque deprecia e invalida completamente os sentimentos puros de toda uma comunidade", alfinetou Hayley.

Anteriormente, Rita alegou que queria que a música se tornasse um hino bissexual.


Copyright © 2017  Notícias de Hoje -  Telefone: (65) 3358-5258 - Todos os direitos reservados.